Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

8withpleasure

Partilhar a paixão que tenho pela Gastronomia. Através de experiências, dicas, opiniões, histórias e curiosidades...

8withpleasure

Partilhar a paixão que tenho pela Gastronomia. Através de experiências, dicas, opiniões, histórias e curiosidades...

17.Fev.17

Uma Sopa E Uma Experiência Menos Boa!

Esperava muito mais do russo Stanislav! 

 

Não é meu objetivo nem interesse publicar textos no blog a contarem episódios menos positivos. O intuito e a razão principal pela qual decidi criar este espaço de partilha foi para divulgar e aconselhar aqueles que são na minha opinião os melhores restaurantes e onde se pode ter uma boa experiência gastronómica. 

 

Porém, acontece que este episódio de tão caricato e inesperado que foi, não resistiu às malhas do domínio público. Uma experiência muito negativa que tive na tentativa de ir jantar ao conhecido restaurante Stanislav, situado numa das ruas paralelas à Av. da Liberdade e que tão boas recomendações tem. 

 

Foi exatamente atrás dessa fama e curiosidade pela cozinha russa que decidi ir ao Stanislav. Um jantar a dois, num espaço que pela decoração, ambiente e comida tinha tudo para dar certo... Pois, infelizmente como já devem ter percebido isso não aconteceu! A história não é muito longa, já que nem chegámos aos pratos principais...

 

Começando pelo início, jantar a uma quarta-feira, reserva feita e qual não é a nossa surpresa quando o restaurante estava praticamente vazio, apenas 2 mesas ocupadas, ambiente um pouco "despido" e ao encargo de duas jovens que pouco mais de 20 anos tinham, uma delas estava no seu primeiro dia de trabalho, o nervosismo era notório... 

 

Mas se há coisa que evito a todo o custo é tirar conclusões precipitadas e por isso avancei confiante na esperança de que tudo iria decorrer dentro da normalidade. O que infelizmente começou logo por não acontecer no primeiro pedido: "queremos o Meshocheck (saquinho de massa crocante recheado com cogumelos e frango)" ao que nos respondem: "já não há!" - "mas já não há, como?! Acabaram de ser servidos 5 para aquela mesa!" -"sim, mas o chefe diz que já terminou." E assim começou a aventura entre os nossos pedidos, a empregada, a cozinha e a falta de stock do restaurante naquele dia...  

 

Seguiu-se o vinho, não tinham a primeira escolha, não tinham a segunda e chega-nos à mesa sem qualquer tipo de aviso prévio um terceiro vinho escolhido aleatoriamente por uma das empregadas. Tive de questionar sobre que vinho era aquele, ao que me respondeu dizendo que não tinham nenhum dos outros e que aquele era o melhor! Para tornar tudo ainda mais "divertido" a rapariga nem a garrafa conseguia abrir e acabei por ser eu a assumir o papel de escanção. 

sopa stanislav (2).jpg

Por esta altura já eu tinha a minha sopa de entrada na mesa, ao passo que a minha companhia ia tentando decidir que entrada pedir em alternativa ao Meshocheck e a uma segunda que também não tinham. Pensámos que à terceira seria de vez, Kremleveskiy (filete de atum, com legumes em molho de mostarda e ovo de codorniz). Depois de tantas peripécias e mau serviço, reconhecido inclusive pelas 2 empregadas que já nos tinham oferecido um vodka para o fim da refeição em forma de pedido de desculpas, o pior estava para vir! 

 

Qual não foi o meu espanto quando chega à mesa um prato com um peixe branco e um ovo cozido partido aos quartos,!! supostamente o prato pedido deveria ser composto por atum e ovo de codorniz. A empregada insistia que era aquela a entrada, mas lá acabou por perceber que o que estava no prato não era igual ao descrito na carta e depois de vir da cozinha a justificação foi que já não havia atum e o chefe decidiu colocar outro peixe a substituir!!! Quanto ao ovo, não sei se a codorniz virou galinha!! 

 

Como devem imaginar depois de tudo isto a minha reação foi só uma, a de dar a refeição por terminada e pedir a conta (da sopa) e ir-me embora o mais rapidamente possivel para ainda tentar jantar em algum outro restaurante. 

 

Por incrível que pareça, não havia no restaurante nenhum gerente ou responsável para dar a cara, o chefe de cozinha não fala português e das duas empregadas apenas uma falava bem o português. E a suposta responsável pouco ou nada conseguiu fazer para resolver tal situação. 

 

De positivo ficou apenas o facto de ambas as raparigas terem tido perfeita noção de que nesta história só havia um lado prejudicado e que tudo correu ao contrário do que deveria ter corrido. Seguiram-se muitos pedidos de desculpas e a justificação por parte de uma delas que era o seu primeiro dia. Tivesse sido esse o nosso problema! Um primeiro mau dia de trabalho todos podemos ter, é normal, não foi por ter de abrir a garrafa de vinho que me senti lesado, bem pelo contrário, noutro cenário poderia até ser um episódio engraçado e para vos contar mais tarde. O problema é que nada ali correu bem. 

 

Não acredito que seja este o Stanislav que consegue ter a boa pontuação e avaliações que tem na internet. Mas a verdade é que foi este que conheci... 

 

SOLUÇÃO?! No mundo da hotelaria e restauração há sempre uma solução, algo que pode ser feito em prol do cliente e da sua satisfação, afinal de contas é para isso que os restaurantes servem, servir bem o cliente: 

  • A reserva foi feita, tinham o meu contacto. Um simples telefonema no dia seguinte por parte da gerência com um pedido de desculpas e um convite para uma segunda visita seria o mais adequado. A esse convite poder-se-ia adicionar a oferta (em forma de compensação) de um prato, uma entrada, 50% de desconto numa refeição para dois ou até mesmo só convidar para um regresso.  Enfim, uma imensidão de soluções podiam ser encontradas, o simples telefonema já teria um impacto muito positivo.... 

 

Em conclusão, foi sobretudo por isto que decidi partilhar esta história. Para poder demonstrar que o papel e responsabilidades de um restaurante hoje em dia vão muito para além daquilo que são as 4 paredes onde são servidas as suas refeições. O cliente entra, sai, muitas vezes lesado e nada é feito para contrariar essa situação. Não podemos deixar que ninguém entre em nossa casa e saia de lá desiludido, com vontade de nunca mais voltar e ainda avisar os amigos! 

 

Stanislav Avenida Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

6 comentários

Comentar post